Skip links
arquitetura

COMO A ARQUITETURA DA SUA CASA PODE INFLUÊNCIAR SEU CÉREBRO

Você já pensou que a forma com que os móveis, a decoração, o uso de determinados materiais ou como ambientes estão dispostos podem influenciar no seu bem-estar? A arquitetura desenvolve um papel importante para o cérebro humano, notoriamente destacada durante a pandemia. Com base em pesquisas e exames foi possível comprovar que alguns gatilhos que ativam determinadas regiões do cérebro podem ser estimulados com o uso adequado de técnicas da arquitetura. A partir disso foi desenvolvida a Neuroarquitetura, conceito levado a sério e adotado nos projetos da Criare Ambientes Planejados, empresa de Campinas (SP), que traduz o método que busca transmitir nos projetos bem-estar e conforto para as pessoas.

arquitetura
Criare Ambientes Planejados, de Campinas (SP), adota conceito inovador que transmite bem-estar às pessoas. — Foto: Crédito: Divulgação

Segundo Rafaela Costa, arquiteta e urbanista da Criare Ambientes Planejados, a neuroarquitetura é um tema que tem como base o estudo da ciência do cérebro aplicada à arquitetura, considerando o comportamento e respostas do ser humano para projetos arquitetônicos.

De acordo com estudos da Organização Mundial da Saúde, antes do período pandêmico, as pessoas viviam cerca de 80% a 90% do tempo em ambientes fechados, o que colabora para o Brasil ser o segundo país do mundo com maior nível de estresse no trabalho. Dessa forma, o uso da neuroarquitetura tem um papel fundamental, sendo uma ferramenta inovadora que tem ganhado espaço nos projetos do Brasil e do mundo, já que é capaz de promover uma forma inteligente de criar ambientes mais humanizados voltados para o bem-estar.

Rafaela destaca que em todos os trabalhos na Criare Ambientes Planejados, ela e equipe tentam aplicar todos esses conceitos para elaborar um projeto que, no resultado final, seja funcional, confortável e, principalmente, alinhado ao dia a dia do cliente. Seja em projetos corporativos, residenciais ou comerciais, há sempre a tentativa de entender a necessidade do cliente, do espaço e o uso que aquele espaço vai ter.

A título de curiosidade, a disciplina neuroarquitetura foi criada da junção do empenho do neurocientista Fred Gage e do arquiteto John P. Eberhard para entender como o ambiente físico influencia no funcionamento do cérebro humano. A Criare Ambientes Planejados aplica este conceito, priorizando sempre o bem-estar das pessoas e o objetivo desejado.

Fonte: G1

Leave a comment